Amigos Leitores!

Desde que perdi meu Blog em Abril, tenho feito vários acordos com o Blogger a respeito das postagens aqui apresentadas a vocês! Passamos por três momentos distintos:

1. Onde este Blog teria algumas postagens fixas e não postaria nada além de botões que levariam vocês a outros sítios para lerem meus posts. Aqui só ficariam links para os outros blogs, como num PORTAL.

2. Pude passar a postar "chamadas" dos outros blogs neste blog, desde que os textos fossem bastante curtos e logo a seguir viesse o link para o outro blog.

3. Este momento que estou vivendo!

Posso voltar a fazer postagens aqui! Aleluia! Mas devo usar a quebra de páginas para ocultar artigos que contenham fotos mais explícitas ou palavras mais pesadas!

Resigno-me a isso no momento e com alegria volto aos meus posts assumindo a característica BDSM do blog novamente!


Beijos Carinhosos

Hope subway

Meus Blog’s!

Conheça um pouco de
- Hope Subway -
Beijinhos açucarados,
- Hope Subway -
 

Indicação Literária... Castigada - 01 -


É só clicar na imagem do livro para fazer o download!

Mais um livro falando sobre BDSM!

Brynn Paulin
Taboo Whises - 01-
Castigada
   



   
    A formal Natalia Cooper vive a vida de modo correto, nunca fazendo algo perigoso demais. Mas, ela queria. Uma noite, anos atrás, seu namorado lhe deu algumas palmadas no traseiro, tudo parte de um jogo sexual, e ela adorou. Queria muito mais. Mas, eles se separaram, e ela não tinha sido espancada desde então. Quando ela fica sabendo de um clube que pode obter exatamente o que deseja, anonimamente, ela estava pronta para suportar, dificilmente conseguiria resistir.

    Para Ethan Tavish, “O Calabouço” tem servido como um lugar para exercer Domínio, sem assumir compromissos duradouros. Mal pode acreditar em seus olhos quando entra na área de jogos, e vê a sua secretária Natalia, curvada sobre a mesa de surras em um uniforme de colegial. Eles estão mascarados, mas ele a reconheceria em qualquer lugar. Em um instante formula um plano para dar a ambos o que tanto desejam... Talvez muito mais.


Beijoks açucaradas...
- Hope Subway -

Lanches Especiais!


Fala sério...
Você teria a coragem de comer aií???
KKKK...

Beijokas risonhas...
- Hope -


Minha Poesia...

Minha poesia
Habita lugares tão teus

Teus lábios
Tuas coxas
Teu peito cabeludo
e ali chegando
Já entrevejo
Teu pênis ereto e pronto
que recebe meus lábios ávidos
minha boca úmida
já da saliva que brota do meu desejo
de te lamber
de te chupar, engolir
comer, engolfar!
Desanda desejos escondidos
Acalenta sonhos
Neles…
Reencontro meu poetar
Nos teus lábios
De gemidos roucos
Neste olhar meigo, terno
Lapidado por Deus
Sem igual
Construo meu céu!

Nestes olhos de fogo
Ardência flamejante
e pura de desejo
de dor
de aflição...
sadismo e ira...
Construo meu inferno!
No meu amor..
e desejo...
e em todos os meus sentimentos
Construo meu purgatório!
Rouba-me os pensamentos
No rolar das letras soltas
És rima, és verso
Em cada poesia
Que nasce
És tu…
Sou eu…
Fecundando tu’alma entregue
Da inspiração que volta
Toda vez que te amo

Que me tomas e me faz TUA
És minha poesia…


- Hope Subway -

Trair um parceiro é culpa do DNA? A Ciência explica!

O estudo associa o comportamento sexual a características genéticas



Quanto da nossa personalidade e comportamento são influenciados por nossos genes? Essa é uma questão que nos persegue. Um novo estudo realizado por pesquisadores americanos acaba de ser publicado na revista PlosOne (6 de dezembro), dessa vez  associando o comportamento sexual a características genéticas.

Trata-se de mais uma dessas pesquisas polêmicas. Sabemos que, por um lado, o comportamento sexual é muito variável entre indivíduos e populações. Por outro, que ele é central na teoria da evolução.

Segundo o estudo que acaba de ser publicado, variações em um gene específico – o receptor de dopamina D4 – estariam associadas a determinados comportamentos sexuais, principalmente promiscuidade e infidelidade. Será que isso vai ser usado como uma bela desculpa pelos famosos “puladores de cerca”?


O estudo foi feito com 181 jovens adultos

Os participantes (118 mulheres e 63 homens), com idades médias de 20 anos, foram recrutados em uma universidade americana. Ao mesmo tempo em que forneceram seu DNA para o estudo, eles responderam a um questionário totalmente confidencial sobre a sua atividade sexual. O questionário continha perguntas acerca de seu laços afetivos e comportamento sexual, incluindo perguntas sobre infidelidade, promiscuidade, preferências e expectativas.

Quais seriam os possíveis mecanismos para associar esse gene ao comportamento sexual?

O gene receptor de dopamina D4

Esse gene apresenta uma região com um número variável (2 a 11) de repetições (em inglês VNTR – variable number of tandem repeats). Pessoas com um número maior de repetições (7 ou mais) teriam uma maior predisposição para buscar novas sensações e emoções. A hipótese dos autores é que essas pessoas também teriam uma tendência maior a ser sexualmente promíscuas e infiéis. Para testar essa hipótese, os pesquisadores analisaram as respostas dos questionários dividindo os jovens em dois grupos: 7+ (aqueles cujo gene teria 7 ou mais repetições) ou 7- ( menos de 7 repetições)

O que mostrou o estudo?

Entre indivíduos 7+, havia um número significantemente maior daqueles que relataram um comportamento promíscuo e infidelidade do que entre os 7-, corroborando com a hipótese dos pesquisadores. Outra conclusão interessante discutida pelos autores é que todos os praticantes BDSM eram 7+ !!!

Determinismo genético? KKKK...

Ao ler esse trabalho já fiquei imaginando as possíveis repercussões:

Os DONOS conservadores ou ciumentos poderiam até sugerir que esse teste genético fosse incluído nos exames pré-encoleiramento!

Ou que poderia servir como uma bela desculpa para os eternos “puladores de cerca” justificarem-se junto aos seus parceiros: “Eu não tenho culpa, são meus genes”… se for a cadela... COITADA! Se for o Dono... COITADAS DE NÓS!


Eu que pule a cerca e vá me engraçar com outro Dono e tentar explicar isso para o HERR.'.THOR... que foi culpa das 3 letrinhas: DNA.
Logo ele me manda para as outras 3 letrinhas: UTI !!!

A Verdade...


A porta da verdade estava aberta,
Mas só deixava passar
Meia pessoa de cada vez.
Assim não era possível atingir toda a verdade,
Porque a meia pessoa que entrava
Só trazia o perfil de meia verdade,
E a sua segunda metade
Voltava igualmente com meios perfis
E os meios perfis não coincidiam verdade...
Arrebentaram a porta.
Derrubaram a porta,
Chegaram ao lugar luminoso
Onde a verdade esplendia seus fogos.
Era dividida em metades
Diferentes uma da outra.
Chegou-se a discutir qual
a metade mais bela.
Nenhuma das duas era totalmente bela
E carecia optar.
Cada um optou conforme
Seu capricho,
sua ilusão,
sua miopia.

- Carlos Drummond de Andrade -

15.000 acessos!


15.000 acessos!!!

Obrigada!!

Beijoks

- Hope Subway -

Fazendo novas amizades...

Esse é um jeito REALMENTE muito doce de fazer novos amigos!
Façam!!!

Eu já fiz!!!
Deu mais certo do que eu imaginava!!!

A única diferença é que era dia do meu Aniversário
e ela sentou e comeu, bebeu, brincou...
no final ela se apresentou...
- Prazer! Renata! Primeiro dia!

Muita coincidência, né?
Mas pior é que essa "cara de pau" maravilhosa continua na minha vida, nos momentos alegres e tristes há 4 anos!
E se o Universo conspirar... espero envelhecermos juntas!
Irmãs de Alma!

beijões
&
beijoks...


Pedindo Bis! Bis!
Hope, Hope!
 

Beijinhos,

DIA MUNDIAL DO CHOCOLATE!!


Chocolate... o alimento dos Deuses...
Onde nossos sonhos e libidos são sublimados...
Muitas vezes são subestimados, mas se devidamente utilizados...
Ardem de prazer o corpo de uma mulher!

Cobrem cada reentrância de nosso corpo...
Harmonizam nossa pele e desejos com os
Ousados e libidinosos desejos de nosso algoz...
Carrasco de nossa excitação, de nossos sonhos mais
Ocultos, profundos e profanos... contidos em suas
Lambidas, sugadas e chupadas nirvânicas, orgásmicas...
Adicionadas de todo nosso interior fremente...
Tremente, ardente, instável e cheio de tesão!
Entregue e luzindo de desejo e prazer!

OU SEJA COMIDA!

- Hope Subway -
Depois de tanto castigo nesse Fim de Semana (vide Fet Life - perfil do Dono)...
Chegou a minha vez de consumir chocolate...
e de deixar umas marquinhas!
Rsss...


HORA DO PLANETA/PRAZER...



Temos nós, terráqueos, um absoluto desrespeito pela nossa e pelas gerações futuras?!

Num dia como o de hoje convidam-se ambientalistas, climatologistas, especialistas em desenvolvimento sustentável para participar da HORA DO PLANETA. No entanto, amanhã é outro dia… Dia esse em que desrespeitamos o meio ambiente em que vivemos desde o amanhecer até ao anoitecer!

A minha geração é filha da liberdade. Para muitos a liberdade traduz-se em desresponsabilidade. Se ao menos soubessem o que é a liberdade! Teriam um maior apreço por esse valor e responsabilizar-se-íam por transformar o mundo livre em que vivemos, num mundo responsável ou melhor co-responsável.

Na postagem anterior já fiz minha apologia “GreenPeace” e inclusive dei algumas idéias de como passar esses benditos 60 minutos...

Agora apresento minha postura “GreatPleasure” a respeito!



“ ...acho que seria uma grande contradição, porém vou propor algo diferente para este dia 26 de março que você poderá fazer pelo planeta no período entre às  20h30 e 21h30. Não apague somente as luzes, desligue a TV, o rádio, o computador, você já parou para pensar que estes aparelhos tem tomado o lugar do diálogo familiar?

Que tal neste momento acender uma vela e reunindo a família, amigos debaterem sobre o meio ambiente, e se questionarem sobre o que cada um tem feito ou pode começar a fazer a partir deste momento dar a sua contribuição pessoal para salvar o planeta? Você pode também entrar no site da campanha para sugerir que eles abordem esta postura para o próximo ano, para que as pessoas PENSEM E REFLITAM, antes de apagar a luz.”



Agora apresento minha postura “GreatPleasure” a respeito!

Apesar de não ser, com certeza, tão respeitável, nem tão politicamente correta, é com certeza, muito mais prazerosa... 60 minutos com a TV desligada, as luzes... o mundo “fora” da sua vida... dá muito o que pensar... e se você tiver a sorte de ter ao seu lado seu companheiro/O a/A...

Trago duas sugestões... a primeira para homens, independente da posição ocupada na sua relaçao D/s... e a segunda para as mulheres...

Façam SEXO... não aquela rapidinha, nem aquela relação tradicional de coito de aproximadamente 40 minutos, 1 hora, mas uma relação ampliada... sensual... daquelas para a qual 3 horas são pouco!



PARA HOMENS...

ANTES…
1. Não ejacule por TODO O DIA  (se possível por 2 ou 3 dias)
Duas constatações do homem que observa seu funcionamento sexual: a ejaculação desperdiça energia vital, diminui a qualidade da ereção e o desejo de atravessar e penetrar sua mulher. Ejacular deve ser um ato consciente e não uma necessidade. Para aguentar mais de 3 horas de sexo, direcione a energia acumulada e mantenha potência total até levar sua mulher à exaustão. Ainda assim, você tem a liberdade de não ejacular, o que muitas vezes acontece simplesmente porque ela, depois de gozar várias vezes, acaba dormindo.

2. Sente-se imóvel em silêncio
Para não reagir ao impulso de gozar e aprender a ficar presente, sem cair em pensamentos e emoções autocentradas que tensionam o corpo (o que só aumenta a necessidade de ejacular para liberar o stress), existe o milenar método da meditação. É bastante simples: sente-se e fique imóvel em silêncio por uns 15 minutos. Observe como a mente é arrastada por vários pensamentos e como a energia do corpo oscila. Com a prática, você treina liberdade frente aos impulsos, estabiliza a energia e intensifica sua presença no mundo, algo que aprofundará o prazer na cama.

3. Aja como se já estivesse na cama
O melhor jeito de fazer sexo sem fim é não colocar um começo. Antes do beijo, longe da cama, eles se movem como se já estivessem deitados transpirando a noite. Ou seja, fazem amor com todas as coisas ao redor, deliciam-se com o vinho, piscam de prazer. Ele toca nas coisas como se estivesse tocando nela: com firmeza e delicadeza, sabendo o que está fazendo e para onde vai, mas sem pressa alguma de chegar. Ela abre o sorriso como se estivesse tirando a saia. Então, quando ele começa a penetrá-la, ambos tem a certeza de que aquilo já estava acontecendo. Aí o difícil é descobrir como terminar aquilo que nunca começou.

4. Se não estiver disposta(o), nem comece!
Não temos a obrigação de finalizar uma noite quase perfeita com sexo. Se chegamos cansados, é melhor dormir do que fazer um sexo displicente, sem vigor, apático. Se a mulher está animada, o homem pode tomar um banho gelado para ficar no ponto (acredite, façam isso). Se é o homem que está pronto, a mulher pode se deixar levar até ficar excitada e pedir pela penetração. No entanto, nem sempre isso acontece naturalmente – e se há esforço, é melhor deixar para depois. O ponto é não aceitar nada menos do que um sexo vigoroso, atento, com total presença de ambos.

DURANTE…
5. Respire profundamente e absorva o outro
Enquanto algumas mulheres fazem uma respiração pulmonar, superficial, agitada durante o sexo, muitos homens não sabem que soltar a barriga é um dos melhores modos de prorrogar a ejaculação. Sem vergonha, ambos podem perder a pose e respirar profundamente pelo abdômen durante o sexo. A contração usual da barriga deve ser transferida para os músculos pélvicos. Em vez de reter, meter. Aceitação sem filtros, a respiração é nosso grande convite ao outro e à vida: “Traga o que quiser, venha como vier: eu vou te abocanhar, engolfar e absorver tudo até te devolver, completamente transformada, a si mesma”.

6. Não tente controlar o orgasmo
Com a prática da respiração consciente, descobrimos que podemos nos movimentar freneticamente como animais e, ao mesmo tempo, respirar lentamente como deuses. Tal estabilidade gera o destemor que precisamos para chamar o mais intenso prazer. Avançar até o orgasmo em vez de evitá-lo. Para não ejacular, não fique se controlando. Quando você coloca um limite, todos os estímulos se tornam perturbadores e o empurram ao orgasmo. Nas preliminares, faça o teste das cócegas: se uma leve carícia, na axila ou na cintura, o fizer tremer como uma criança, respire e aprofunde sua entrega sensorial. O mesmo vale para as mulheres.

O caminho é inverso: vá até o fim, relaxe, se solte, permita que o prazer aumente em vez de impedi-lo e travá-lo. Para homens: quando sentir que for gozar, pare um pouco, troque de posição e continue até adquirir confiança para ultrapassar o ponto no qual você estava acostumado a se desesperar. Para mulheres: veja se gosta de segurar por muito tempo ou, se isso a distanciar do orgasmo, goze várias vezes enquanto ele treina não ejacular.

Para o casal, eis o processo rumo a níveis mais profundos de prazer: onde antes tremíamos em uma experiência de pico, agora repousamos em um céu de gozo sem origem, fim, eu, outro, dentro ou fora. O pico do prazer, se quiser ser considerado orgasmo, terá de ser cada vez mais arrebatador para conseguir nos fazer cair, desfalecer, estremecer.

7. Proponha o jogo da ereção constante
Se hoje gozamos facilmente, é porque ainda não entendemos o jogo. Caso contrário, não trocaríamos horas de prazer revitalizador por horas de cansaço sonolento. Faríamos de tudo para evitar que o orgasmo acabe com a brincadeira. Pois bem, para reconhecer um jogo, invente e simule-o até perceber que ele sempre esteve ali. Quando seu Dono chegar em casa, diga que você não o deixará descansar por 3 horas seguidas. Então use mãos, peitos, lábios e pés para sustentar a ereção dele nos intervalos entre uma penetração e outra. A idéia é que ele não caia por nem um minuto.

Depois de meia hora, se você der sorte, ele terá ultrapassado vários picos de prazer e estará em uma condição livre, imperturbável. Nada no mundo consegue chacoalhar um homem assim – presente, lúcido, desperto. Acredite, você vai ter de implorar para ele gozar. Talvez você se coloque de joelhos, não por prazer, mas por cansaço: para fazê-lo parar. ;-)

8. Abuse do K-Y
Quando o casal descobre a diversão escondida logo depois das primeiras tentativas que o orgasmo faz para nos tirar do jogo, ou quando explora a diversão escondida logo atrás, entra em cena o famoso K-Y. Já que a lubrificação natural não dá conta de 5 horas de penetração, algum homem bom de cama sentiu necessidade de inventar uma substância parecida com as secreções de prazer que soltamos naturalmente. Tenho certeza que o primeiro slogan do produto foi: “K-Y: porque a lubrificação acaba, mas o amor não” (isso é uma brincadeira, mas ficaria feliz se essa frase fosse utilizada em uma campanha).

9. Faça intervalos
Junto com a diversão, podem surgir alguns problemas. Eu mesmo já passei mal, vi cores no escuro do quarto, alucinei e quase desmaiei durante uma noite dessas. Como nossa mente não é estável, brincar com a energia sexual nem sempre é saudável. Para evitar ocorrências do tipo, recomendo intervalos regulares para tomar água e comer frutas ou castanhas. Algo leve. Você pode tentar aproveitar o tempo para ficar um pouco longe Dele(a), mas não vai adiantar: “Amor, traz chocolate?”.

10. Saiba brochar
Todo mês, em qualquer banca de revistas, temos acesso a 181 técnicas (sempre inéditas!) para produzir super orgasmos múltiplos de 10 minutos em sua mulher. Desconfio que isso vem trazendo um pouco de ansiedade para a mente masculina. Nada que não seja simples de superar. Lembre-se que o homem não tem responsabilidade alguma sobre o prazer das mulheres. Não há problema algum em falhar por completo. Desculpas e justificativas são desnecessárias.

Anote aí sua frase de redenção: o orgasmo é a coisa mais brochante do mundo! Demorou para abrir a camisinha, a boca dela não colaborou, o cansaço se impôs, a mente ficou confusa… Tudo isso pode ser rapidamente revertido, mas é muito difícil se levantar depois de ejacular. Para se recuperar de uma brochada, basta reconhecê-la e não tentar se livrar da situação desconfortável. Jogue a camisinha no chão, desista de tentar, aceite a derrota e sorria. Se não fizer isso, aí sim cairá em uma brochada clássica irremediável. Se, ao contrário, rir e se soltar, de repente suas mãos estarão passeando no corpo dela e a situação toda se levantará de novo.

11. Durante o prazer intenso, foque o outro
É muito comum encontrarmos mulheres e homens que, para gozar, se concentram em suas próprias sensações e até fecham os olhos, enclausurados, contraídos, como adolescentes em seus primeiros orgasmos. Para evitar que o sexo se transforme em uma masturbação a dois, o caminho é o inverso. Quando estiver se perdendo dentro de si, direcione seu olhar ao outro, ofereça seu prazer, mergulhe, solte, arranhe seu homem, enfie, enterre, meta com mais força em sua mulher. Só gozamos quando estamos distraídos acompanhando nossas sensações.



PARA MULHERES...

1 - Nada de pressa: "Nem chegue perto do pênis se ele ainda não estiver realmente preparado. Procure excitar o parceiro primeiro colocando a boca em outros lugares. Fale ao seu ouvido, conte-lhe que é sua... sua cadela, sua posse, sua peça... que é uma vadia que está ali para satisfazer seus desejos, que ele pode fazer o que quiser com você... beije-o, na orelha, no pescoço, ombros... morda-o, nos músculos, mamilos, barriga... até que você perceba sua respiração entrecortada e o “menino” dando ares de sua presença..."

2 - Demonstre gosto pela coisa: "Gemidos e sussuros de apreciação são sempre bem vindos, olhe para o Dono enquanto o chupa... observe suas reações... repita movimentos que você perceba que estão agradando-O"

3 - Para variar... " Há mil posições para se fazer oral. Você de joelhos e ele em pé na sua frente, você sentada na beira da cama e ele deitado, os dois deitados lado a lado... É só deixar a imaginação dominar... crie... pense... sonhe... tome gosto pelo que está fazendo... planeje... ou se deixe levar... mas faça com gosto! Nada de enfiar 5cm na boca e achar que está fazendo um favor... CURTA o momento... curta o PODER que você tem e que você consegue ao senti-lo tremendo e gemendo, puxando seus cabelos ou ficando cada vez mais duro!"

4 - Colírio para os olhos: " Os homens são altamente visuais. Deixe a luz acesa para que ele possa ver tudinho o que você está fazendo... não aquela luz direta 110W em cima de vocês (mesmo porque... NESSA HORA DE HOJE, ela deve estar apagada)... coloque velas, candelabros, brinque com luzes indiretas, talvez só abrindo a janela com a casa apagada e permitindo que a luz da rua entre e os ilumine... Brinque... Com o encontro de olhares, os dois ficam mais conectados".

5 - Use as duas mãos: " Uma para estimular o pênis, e outra para guiar os movimentos e manter o controle sobre até que profundidade você quer colocar ele na boca... ou para acariciar suas coxas, arranhar suas nádegas, seu peito... brincar com seus mamilos e dependendo do grau de intimidade ou de permissão, enfiar o dedo nos lábios dele e deixá-lo lamber... dessa forma você tem um termômetro bem garantido para a libido dele... se ele chupa, lambe... ou se o ignora".

6 - Todo cuidado é POUCO: "Sempre proteja os dentes com os lábios e use bastante saliva. Uma grande dica é gargarejar um copo de água morna antes, para lubrificar a boca e gerar saliva. Mas durante o processo brinque com o frio e o quente... já tentou encher a boca de refrigerante gelado e abocanhar um pênis duro e quente? Depois manter o refrigerante passeando com suas "bolhinhas" ao redor do pênis? Muita delicadeza, principalmente com os testículos - qualquer movimento brusco pode terminar em tragédia... mas numa relação BDSM, talvez um pouquinho de dor seja apreciada pelo Dono, talvez um tapinha leve nos testículos... ou passar pedrinhas de gelo..."

7 - Sob controle: " Comece devagar e vá aumentando a pressão e o ritmo aos poucos, na medida em que ele se aproximar do orgasmo. Isso é fácil de perceber pela rigidez da ereção e pela emissão de algumas gotas de esperma. Então, diminua um pouco, só pra deixar ele com mais prazer. Mantenha-o duro, mas sem gozar por algum tempo para que você mesma possa se regizijar com esse “poder” delicioso que você tem sobre ele".

8 - O “Grand Finale”: " Quando o orgasmo se aproximar, novamente, acelere o ritmo. Quer um estimulo extra? O homem tem um ponto G cerca de 3 a 6 cm dentro do ânus -  você pode toca-lo diretamente ou pressionar o períneo cenquanto ele ejacula (o efeito é o mesmo). Mas, cuidado: a maioria dos homens nao curtem tanta intimidade, então é melhor avisar o parceiro do que você pretende fazer".



PREOCUPAÇÃO FEMININA...

E quanto a questão "Cuspir ou Engolir?" é o seguinte: não existe nenhum código sexual onde obriga a mulher de engolir. Se a mulher não gosta disso, o mais elegante (e sexy) é propor que o parceiro ejacule em alguma parte do seu corpo. Além disso, os orientadores sexuais desaconselham engolir o semên, tendo em vista que esse líquido é transmissor do vírus da Aids. Mas existe quem gosta e o faz!



PARA FINALIZAR A HORA DO PLANETA/PRAZER...

Diante de nossa experiência sensorial e subjetiva, temos duas opções: reprimir e controlar ou ceder e gozar. Ambas acabam com o prazer. A verdadeira saída da prisão adolescente está diante de nossos olhos: a experiência sensorial e subjetiva do outro. Ficamos presentes e abertos ao prazer na medida em que adentramos nosso parceiro e nos liberamos do autocentramento. É possível respirar o outro para dentro, fazer sua energia circular em nosso corpo e, simultaneamente, penetrar o outro e sentir por dentro e para além dele. Em uma posição, estremecemos e enlouquecemos (choramos e sorrimos) quando somos possuídos. Em outra, avançamos furiosos quando atravessamos e rendemos o outro.

A fúria mansa masculina e a doce loucura feminina nos levam para além do orgasmo. É esse o verdadeiro prazer (inseparável do que chamamos de amor): ficar presente, sentindo tudo, completamente aberto. Se o homem se abre para as sensações da mulher, a ereção não oscila. Se a mulher se abre para a potência que vem dele, ela se sente penetrada para além do corpo. Só esse gozo é capaz de realmente satisfazê-la.

Aproveite essa 1 hora para 60 formas de prazer!
Você pode não salvar o planeta... mas com certeza pode salvar uma relação... ou simplesmente começar um Fim de Semana com Chave de Ouro!



HORA DO PLANETA?!


Está na mídia, em widgets de sites e em várias conversas de bar: dia 26 de março, as 20h30 é a Hora do Planeta. Nesses 60 minutos todos devem apagar as luzes de suas casas e fingir que estão fazendo algo para salvar o mundo. Mas será que isso resolve alguma coisa?

O ato simbólico tem como objetivo fazer com que todos mostrem sua preocupação com as mudanças climáticas, pois durante a Hora do Planeta, pessoas, empresas, comunidades e governo são convidados a apagar as luzes durante o período de uma hora, mostrando assim sua contribuição na luta contra o aquecimento global.

Em 2007, a idéia começou na Austrália, em Sydney. Pouco mais de 2 milhões de pessoas aderiram ao "movimento do breu" e mantiveram os interruptores desligados. No ano seguinte o evento se popularizou e ganhou mais adeptos, 50 milhões de pessoas em mais de 400 cidades. Apagaram-se ao mesmo tempo as luzes da Golden Gate, do Coliseu e da Ópera House.

Esse ano, as estimativas apontam que 1 bilhão de pessoas brincarão de escuro-escuro e jantarão à luz de velas. Grandes monumentos também serão desligados por volta do mundo inteiro, como Paris fará com a Torre Eiffel, um exemplo de grande engajamento.

A dúvida é: apagar uma luz faz tanta diferença? Todos os outros equipamentos eletrônicos continuarão ligados, certo? Então será que meter o dedo no interruptor é tão importante assim? E antes disso? E depois disso?

Ou você faz parte do problema... ou faz parte da solução!

Entrar na onda do “sou consciente ecológico e vou brincar de apagar a luz” não ajuda a salvar o mundo, vai apenas contribuir para as estatísticas da “Hora do Planeta”. Se a campanha fosse a favor da redução diária do uso de energia elétrica, do incentivo à procura de energias alternativas, da instalação de sistemas que reaproveitem a energia solar, tudo bem. Mas é apenas uma luz.

Geladeiras, chuveiros e televisores continuarão ligados. Grandes fábricas continuarão operando. Logradouros públicos continuarão acesos, garantido a segurança da população. E tudo isso, por que é necessário para a sobrevivência de todos nós. Ou desligaremos também a energia de hospitais para mostrarmos o quão politicamente corretos somos?

É moda falar do meio-ambiente. Assim como já foi moda adotar uma ONG. É o jeito de parecer “cool”, preocupado com o mundo, de fingir... fazer o papel. Quando no fundo, todo mundo sabe o que tem que fazer, mas não faz por que não é cômodo. Ninguém está de fato preocupado. E todo mundo sabe disso. Não precisa de data em calendário, cobertura televisiva ou qualquer evento para se fazer de fato a diferença.

No dia 26 de março, as 20h30, eu seria mais uma hipócrita entre milhões se apagasse a luz!?

Este ato simbólico é muito bonito e até emocionante, mas, se você acha que apagar as luzes UMA VEZ AO ANO durante UMA HORA neste sábado é o suficiente para demonstrar sua preocupação com as mudanças climáticas e todos os demais problemas ambientais que estamos enfrentando, vou pedir um favor, NÃO APAGUE AS LUZES! É justamente por esta tendência de "oba-oba", e falta de aprofundamento, que a campanha vem sendo criticada por muitos, e não posso tirar a razão destes críticos.

Não adianta apagar as luzes se você não é capaz de recusar uma sacola plástica, se escova os dentes com a torneira aberta, se não separa seus resíduos para a coleta seletiva, se deixa luzes e aparelhos eletrônicos ligados sem estar usando, se você não deixa o carro  nem para ir até a padaria da esquina, joga lixo da janela do carro ou ônibus e por aí vai!

Como podemos dizer que estamos preocupados com o Aquecimento Global se não adquirimos atitudes sustentáveis no nosso dia a dia? Acho que seria uma grande contradição, porém vou propor algo diferente para este dia 26 de março que você poderá fazer pelo planeta no período entre às  20h30 e 21h30. Não apague somente as luzes, desligue a TV, o rádio, o computador, você já parou para pensar que estes aparelhos tem tomado o lugar do diálogo familiar?

Que tal neste momento acender uma vela e reunindo a família, amigos debaterem sobre o meio ambiente, e se questionarem sobre o que cada um tem feito ou pode começar a fazer a partir deste momento para dar a sua contribuição pessoal e salvar o planeta? Você pode também entrar no site da campanha para sugerir que eles abordem esta postura para o próximo ano, para que as pessoas PENSEM E REFLITAM, antes de apagar a luz. Aqueles que já fazem desta uma prática diária, continuem e se achar necessário apague SIM a sua luz! Mas só se você já tem essa consciência... ou se a busca constantemente!

Se você adotar esta postura, o apagar de luzes na sua  casa poderá ser o acender de uma luz para o despertar de uma nova consciência ambiental!

Não participe da campanha, só porque achou bonito, não será isso que fará a diferença no futuro!

O Poder da cerveja!! PARA HOMENS!!

TRADUçÃO:

HONRE SEUS ANCESTRAIS, ELES BEBERAM TAMBÉM!

O Poder da cerveja!! PARA MULHERES!!


DEPOIS DE ABRIR CLIQUE NO COPO DE CERVEJA E PUXE PARA A DIREITA!
HILÁRIO!


BEIJOS
HOPE

ANÚNCIOS NÃO AUTORIZADOS!!!


QUERIDOS AMIGOS...

HOJE FUI SURPREENDIDA AO ABRIR O BLOG


E VER UM ANÚNCIO DO PEIXE URBANO, NO FINAL DA POSTAGEM "AS SEM RAZÕES DO AMOR - CARLOS DRUMMOND DE ANDRADE"!

ESTOU FAZENDO ESTE POST APARA ALERTÁS-LOS QUE O GOOGLE ESTÁ USANDO NOSSAS CONTAS PARA FAZER ANÚNCIOS INTERMITENTES!

ELES SOMEM EM ALGUNS MOMENTOS E APARECEM EM OUTROS... TALVEZ NA ESPERANÇA DE QUE O DONO DO BLOG NÃO OS VEJA! JÁ QUE PELAS ESTATÍSTICAS QUE NÓS MESMOS PERMITIMOS AO GOOGLE REALIZAR EM NOSSOS BLOGS, ELES SABEM QUAL O HORÁRIO EM QUE NÓS, AUTORES, ESTAMOS ON LINE, NA MAIOR PARTE DOS DIAS!

REALMENTE... SE NÃO FOSSE MINHA ATUAL CONDIÇÃO DE ENFERMEIRA 24X7, NÃO ESTARIA AQUI NA NET NESSE HORÁRIO... ESTARIA TRABALHANDO!


Queridos leitores...

Venho aqui manifestar meu repúdio e indignação em relação a esta postura usurpardora do Google.

Nunca quis acrescentar anúncios para "ganhar dinheiro" nos meus blogs, mesmo tendo uma ampla audiência que mistura os leitores fiéis, mas traz também leitores novos que se interessam tanto pelos contos e poesias eróticos, como pelas "cores" da vida BDSM.

Nunca fiz isso porque acredito piamente que se vocês, leitores quiserem comprar alguma coisa vão pesquisar os seus desejos em sites especializados ou em lojas virtuais/reais.

Se vêm ao meu blog, certamente não vêm com o intuito de comprar NADA, mas ler o que escrevo, ver novas figuras, ler os comentários que os amigos em comum deixam... mas não para serem expostos aos tais pop ups chatíssimos que oferecem vara de pescar, óleo de carburador, ou outras coisasque, na maioria das vezes não têm nada a ver com o conteúdo do blog.

Afinal, vocês concordam comigo que anúncios que fossem condizentes com o conteúdo do blog deveriam ser de Sex´s Shops?

Deixo aqui o aviso a vocês, amigos... bem como o pedido de que, se virem novamente anúncios em meus blogs, por favor façam um PRINT SCREEN de tela e me enviem com o horário... pois se houver outro anúncio não autorizado em minhas páginas vou procurar um bom advogado e ver o até que ponto posso chegar! ツ

REPASSEM A INFORMAÇÃO!

Beijos indignados
Hope ★ ღ ☆

Pote de Felicidade!


Só Por Você Ah...se eu podesse. Se eu pudesse colher estrelas, todo dia eu levaria uma para você. Se eu pudesse chegar ao sol eu pegaria um raio de luz só para você. Se eu pudesse encontrar o pote do arco iris eu daria todas as cores para você. Eu faria isso tudo só por você! Se eu pudesse chamar todos os passarinhos eu os faria cantar para você. Se eu pudesse construiria uma montanha só sua para para que você descansasse mais perto do céu. Se eu pudesse eu isolaria uma floresta onde só você pudesse entrar, ir ao seu próprio encontro e respirar a paz. Eu faria isso tudo só por você! Se eu pudesse eu lhe levaria todas as alegrias do Universo naqueles dias em que se sente triste. Eu criaria um lugar especial feito só para você. Um lugar onde você pudesse achar serenidade, estar só consigo e se refazer dos seus cansaços. Se eu pudesse apagar os seus problemas eu usaria toda a minha força para faze-los desaparecer. Eu faria isso tudo só por você! ... Mas não sei colher estrelas, não posso chegar ao sol nem sei aonde está o pote do arco iris. Não sei chamar os passarinhos nem sou capaz de construir montanhas. Não tenho licença para isolar uma floresta nem posso livrar você de todos os problemas. Mas eu sei que posso dar-lhe o que de mais forte existe em mim : esta vontade de ver você feliz e de estar sempre aí ... ... com você até o fim !

NOVIDADES!

Beijos BDSM...
Herr.'.Thor
&
Hope

Indicaçâo Literária... Apóie-se em mim - 04 -


É só clicar na imagem do livro para fazer o download!

Mais um livro falando sobre BDSM!

Cherise Sinclair
Mestres do Shadowlands - 04 -
Apóie-se em mim
   

    Andrea quer se submeter, mas não para qualquer um que se acha Dom. Ele tem que ser mais resistente do que os touros reprodutores de raça, de onde cresceu. Ela desistiu de encontrar um verdadeiro Dom por si mesma, quando seu amigo a coloca como estagiária em um clube de BDSM exclusivo como os poderosos Mestres do Shadowlands. Andrea fica emocionada... e aterrorizada.

    Forçado a aceitar uma submissa desconhecida, em seu programa de treinamento cuidadosamente executado, Mestre Cullen fica furioso. Não só pela jovem nova em BDSM, mas ela é inadequada para o seu papel... blindada em couro, como uma Domme, ela está mais propensa a perfurar um Dom, do que se ajoelhar. Ele decide empurrá-la de volta para fora da porta. Mas, enquanto impiedosamente a intimida, castigando-a, então para seu conforto, vislumbra a mulher dentro da intrigante armadura emocional e sua total entrega captura seu coração.

    Embora Mestre Cullen fosse famoso, por seu estilo de vida sem restrições, Andrea acredita que ele poderia estar interessado nela, até que descobre que ele não é apenas um garçom — ele é um policial. Talvez ele ignore seu passado escorregão na lei, mas quando outra estagiária a acusa de roubar dinheiro, Andrea tem certeza de que perdeu o mestre que queria com todo o seu coração.

Beijoks açucaradas...
- Hope Subway -

Caminhada...

A ponte é um caminho a ser trilhado... mas não sem medo!

Bom... aos amigos(as)...
Criei o blog no intuito de aprender (e ensinar com meus erros e acertos) por isso não me envergonho dos meus erros, nem tenho medo deles!
Aprendo com eles! Ou pelo menos procuro aprender!
Fiz, muito recentemente, 1 mês de coleira... no qual aprendi muuuuuuuuuuuuuuuuito!
Tenho um Dono que mesmo com 19 dedos e meio não deixa de ser sádico! (KKK) Meticuloso, sério, e profundamente envolvido na relação.
Me ajudou... me ensinou... e continua a faze-lo!
Por quanto tempo?
Não sei! Ninguém sabe o dia de amanhã! Afinal, o que mais tem é cadela sem Dono nessa net. Muitas se oferecem abertamente, outras são mais polidas, mas todas estão a procura de um Dono!
Não as culpo!
Todas nós queremos a mesma coisa!
Mas muitas acham que a vida de submissa  é fácil!
É só uma ida ao Motel, uns tapinhas, umas cordinhas, velinhas, um sexo diferente e fim!
E quem vive, sabe que não é assim!
Submissão é fazer o que Ele quer mesmo que você não queira! É sentir a dor, mesmo sem querer, só pra agradá-Lo, é muitas vezes engolir sua opinião ou deixar de postar alguma coisa ou falar com alguém porque Ele não quer!
É ser punida porque foi inocente ao conversar com outro homem e ele interpretou mal, ou porque seu ramo de trabalho lhe levou a alguém ou algum lugar que Ele não gostou... ou porque você fez um post sobre humor e ele interpretou ao pé da letra!
Ou... porque ele tá afim e ponto (.)

Esse caminho não é fácil!

Não é feito para mulheres fracas!
Só as fortes sobrevivem!
Então não sei como ainda estou nesse caminho! Não sou forte para isso!
Mas hoje anuncio que estou entrando... não sem medo... numa relação 24X7!
Espero DE VERDADE o apoio e os conselhos dos amigos (as)!

Beijos receosos,
Hope

Opinião de Herr.'.Thorr sobre o assunto

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...